Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Porque Sim!

Porque Sim!

Salinas de Rio Maior - A visitar

IMG_5781.JPG

Fui de férias na semana passada, sem nada programado. O nosso objetivo era ir parando onde no apetecesse.

No caminho vimos a placa das Salinas de Rio Maior e estas acabaram por ser a nossa primeira paragem.

 

As Salinas de Rio Maior são de água de nascente.

Na Serra dos Candeeiros, devido à sua natureza calcária e das falhas na rocha, a água das chuvas não fica na superfície acabando por formar várias correntes subterrâneas.

Uma dessas correntes atravessa uma extensa jazida de Sal-Gema, tornando a água sete vezes mais salgada que a do mar.

Em maio ou junho, dependendo se está a chover, as salinas são limpas das águas da chuva e dos detritos e enchidas com esta água. Ao fim de 6 dias já se começa a ver o branquinho do sal.

Esta foi a explicação que o senhor de uma das bancas nos deu, numa simpatica conversa em que nos explicou tudo sobre o local.

IMG_5785.JPGIMG_5788.JPG

Junto às salinas estão casinhas de madeira recuperadas para postos de venda.

Uma curiosidade é um exemplo de fechadura tradicional, que não podia ter ferro.

 

Na semana passada ainda estava tudo sujo e mesmo assim gostámos.

Iremos voltar para ver tudo operacional 

Marina

 

3 comentários

Comentar post