Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Porque Sim!

Porque Sim!

Recordar é Viver….Carlos Paião!!!

Julho 27, 2016

800 (3).jpg

Eu sou do tempo em que o Festival da Canção era um programa imperdível em que toda a família se reunia no sofá para ver…

Foi no ano de 1981 que Carlos Paião concorreu ao Festival da Canção com a musica Playback e ganhou deixando para trás cantores “fortes” como as Doces ou Joé Cid. Esta edição do festival ficou memorável tanto pela canção, que era uma crítica à realidade dos espetáculos ao vivo, o playback, como a vestimenta usada pelo cantor e seu coro. Carlos Paião vestiu um casaco azul prateado e as suas “partners” envergavam macações bastante coloridos .

playback.jpg

Infelizmente partiu bastante cedo, com apenas 30 anos, no Verão de 1988 num acidente automóvel bastante violento. A sua morte foi alvo de polémica devido a um alegado mito urbano de que Carlos Paião foi enterrado vivo, dizem que o seu caixão estava arranhado e que o corpo estava virado ao contrário, porém são escassas as fontes fiáveis relativas a este assunto.

Deixou bastantes músicas, para mim, inesquecíveis e intemporáveis, tais como Pó de Arroz, Playback, Cinderela

As suas músicas agradam todas as gerações, exemplo disso, é o meu filho que ainda não tem três anos e adora a música Cinderela e sabe sua letra toda.

 https://meocloud.pt/link/39176028-329e-4e69-a65d-8632f920d70c/20160430_131443.mp4/

Para mim Carlos Paião estará sempre vivo nas suas canções .

https://www.youtube.com/watch?v=O83OTfo_7jo

https://www.youtube.com/watch?v=tvCTD-RSl5E

https://www.youtube.com/watch?v=VIqq1XJNkBw

Elsa

 

Pirataria 2635 - RAP Português

Julho 14, 2016

13417588_966397860125988_8610589300038493835_n (1).jpg

 

Hoje falamos de RAP.

Os Pirataria 2635 é um grupo constituído por 3 membros:

  • CADInski
  • Content Pro.
  • Xaval

 

Ninguém melhor que os próprios para contarem a sua historia, pelo que transcrevo o que partilham na pagina no facebook, https://www.facebook.com/Pirataria2635/info/?entry_point=page_nav_about_item&tab=page_info

 

A ideia da Pirataria surgiu em 2012, aliado ao nosso amor pela cultura Hip-Hop, mais nas vertentes do graffiti e do RAP, e acima de tudo surgiu com a forte irmandade e união de todos. Somos admiradores incondicionais de RAP, principalmente o que é feito em Portugal desde os anos 90, e começamos por volta de 2010/11 a gravar uns sons soltos, na maioria com beats produzidos pelo Content. Até que em 2012 o Hokir e o Xaval tiveram a ideia de dar nome ao nosso sonho, e assim surgiu a Pirataria, 2635 é o código postal de Rio de Mouro, foi incluído porque nós não esquecemos as nossas origens, de onde vimos!!

Content, é um dos MCs da Pirataria e o produtor de serviço, é a prova viva que o esforço e dedicação só podem resultar em mérito, com uma escrita contagiante tenta sempre encontrar o flow e a métrica certas para encaixarem nos seus beats que são sem dúvida dos melhores feitos em Portugal, uma fusão de ritmos e batidas que mostram que um beat é música para sentir e não apenas para abanar a cabeça.

CADInski, é um dos MCs da Pirataria, consegue aliar da forma o seu amor pelo RAP e por toda a cultura Hip-Hop com uma veia muito interventiva e por causas, e o gosto pela escrita e acima de tudo pela música, faz-nos viajar por temas e assuntos que não passam em horário nobre.

Xaval, outro dos MCs da Pirataria, brinca de forma impressionante com as palavras, conjugando os seus jogos silábicos com o seu flow, consegue sempre arrancar um sorriso aos ouvintes mais cépticos, se ouvidas com atenção as suas letras mostram detalhe por cada palavra escolhida, sem duvida este MC sabe o que faz!!

 

Gosto do beat e da letras, deixo algumas musicas para ficarem a conhecer:

 

Liberdade

https://www.youtube.com/watch?v=wPZbOGA3wBI

Ser humano

https://www.youtube.com/watch?v=FJzKrDlFsuA

Boom Bap

https://www.youtube.com/watch?v=QYVPpMeoVQE&list=PLJjkM_GY_xZidHICR-GYc2d6fK3F7p64c&index=16

 

Marina

Falando de música portuguesa... GNR FADISTA!

Junho 21, 2016

Dedica-se à canção portuguesa nas horas vagas, mas a sua profissão é bem diferente, a Carla é GNR de profissão!

 1 (1).PNG

Carla Sofia Marono nasceu num bairro típico lisboeta e era ainda miúda quando mudou-se para a Margem sul, era no fado que refugiava as saudades que sentia dos seus amigos.

Cantava na varanda da sua casa para uma plateia fictícia e o fado foi entrando na vida de Carla.

Em 2006 após um período difícil da sua vida teve de recomeçar, e resolveu concorrer a GNR, ficou apurada.

Cantou pela primeira vez acompanhada pela viola e guitarra numa noite de fados para arranjar fundos para uma Associação de Rancho Folclórico onde dança, nessa noite teve logo sucesso, a partir daí não pararam as oportunidades.

Ao fim de semana troca a farda pelo xaile e hoje são inúmeros os convites que recebe para cantar, canta praticamente todos os fins-de-semana e já gravou um CD.

 cd.PNG

Costuma dizer que tem no corpo a farda e na alma o fado.

Num dos seus fados há uma estrofe que descreve a sua vontade de cantar:

“Quando canto não penso no que a vida é de má

Nem se quer me pertence nem o mal se me dá”

 

Já tive o prazer de a ouvir ao vivo e junto apenas um tema de que gosto particularmente.

 

Partilhem com quem quiserem, com quem poderem porque a Carla...Merece ser ouvida!

06 Fado da Sina.mp3

 

Teresa S.

 

 

 

 

 

 

Falando de Música Portuguesa...

Junho 06, 2016

55556666.PNG

Belarmino ou BN como é conhecido apresenta o vídeo "Diva".
Sendo um rapper por natureza, Belarmino mostra a sua versatilidade apostando na fusão de estilos e foi precisamente esta mistura de estilos que me despertou atenção.

 

O tema "Diva", primeiro single extraído do álbum de estreia "Altamente", já está disponível nas lojas digitais e plataformas de streaming:

555555.PNG

https://www.youtube.com/watch?v=XkO28Gl-OTg

 

Teresa S.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Em destaque no SAPO Blogs
pub