Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Porque Sim!

Porque Sim!

Museu do Pão

Março 27, 2019

E4748C32-D83D-45C4-AD3B-4B2CDCDD8C78.jpeg

 

Podemos ver como se escreve pão nas diversas línguas

 

6C3B1212-A39D-4C08-B4B2-452874F55B86.jpeg

 

 

O Museu do Pão, situado em Ceia, conta a história do pão, através de objectos e documentos recolhidos em doações, antiquários, alfarrabistas e leilões.

 

A exposição tem 4 salas onde podemos apreciar as vertentes: etnográfica, política, social, histórica, religiosa e artística.

 

Ciclo do Pão - onde podemos ver o ciclo tradicional do pão.

 

62F8F2B7-2CBF-4045-99D8-68F6B0AC269B.jpegCA86D3CE-1356-46D9-B568-02232D06D560.jpeg

 

Arte do Pão - onde podemos ver objectos, como as alfaias, madeira, postais antigos, arte sacra ...

 

 

0B5ED451-CA1D-43ED-A96E-7B2555C700B8.jpeg16751CF8-0093-409E-9C5B-36DE5B47C43B.jpeg

 

Pão político, Social e Religioso - podemos observar a simbologia do pão na religião.

 

0C2CB940-214F-4327-A32F-367189FD8FBD.jpeg

 

Espaço temático - espaço para crianças, onde os Hermios explicam o fabrico do pão.

 

7A42B412-9777-4DCC-AAC7-1CF21B4EA5E1.jpegF35BB745-8DF3-4883-9009-362066D34481.jpeg

 

Achei interessante, por isso recomendo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A ceia de Natal

Dezembro 22, 2016

image_2016-12-10_21-10-52.jpeg

 

E está a chegar a noite da consoada e logo a paparoca tão típica desta época festiva.

 

Sou descendente da beira baixa, na casa dos meus avós o jantar de Natal era sempre bacalhau com batatas e couves cozidas na panela de ferro à lareira. E que delicia que era. Tínhamos de sobremesa as filhoses feitas pela minha mãe e pela minha avó. São sabores da minha infância que recordo com saudade.

 

Já em idade adulta, começamos a substituir o bacalhau cozido, pelo bacalhau com natas. Mais tarde, sendo os sogros da beira alta, adicionamos o arroz de polvo com as pataniscas de polvo ao menu 😋

Na nossa mesa, ainda hà uma variante ao bacalhau com natas (substuindo o bacalhau por alho francês), para o vegetariano da família.

 

E vocês? Também têm um menu de Natal definido ou vão variando?

Marina

 

Mais sobre mim

foto do autor

Em destaque no SAPO Blogs
pub