Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Porque Sim!

Porque Sim!

Coisas que me incomodam #3

Janeiro 03, 2019

c51dd68eb6682bc7f6793db883bc4fb1.jpg

 

 

Fui a uma exposição, estava uma fila enorme para a entrada, as pessoas iam entrando à medida que a sala ia vazando. 

 

À minha frente estava um casal com 2 crianças à espera de uns amigos que teimavam em não chegar. Chegaram os amigos, mais 4 pessoas, que prontamente se puseram à nossa frente (até aqui tudo bem) eis que me apercebo que ainda esperavam mais amigos. Chegou mais um grupo de 4, que sem hesitar se juntou aos restantes. Estávamos na fila há 20 minutos e aquilo começou a incomodar-me, pois estava a entrar no edifício, quando chega um carro, com mais 4 pessoas, para o grupo da frente .

Claro que este ultimo grupo estacionou e foi logo ter com os amigos que estavam na fila. Havia 2 bilheteiras, e quando chegou a vez deles, iam se dividir para comprar os bilhetes. O meu marido, já a achar aquilo um abuso, disse-lhe que se fossem comprar os bilhetes juntos, não tinha problema que estivessem à nossa frente caso contrário, teriam de ir para o fim da fila como os outros (gostava de ser como ele, pois eu ia ficar a remoer e não ia dizer nada).

 

Compramos o bilhetes e entramos, mas aquilo incomodou-me, achei uma falta de respeito para com as pessoas que estavam ali e acabou por minar um bocadinho o meu espírito .

Eis uma resolução para o novo ano, tenho de dar menos importância a este tipo de coisas, pois fico aborrecida e acaba por me estragar o momento.

 

 

 

 

Conversationjacking

Outubro 03, 2018

 

Costumo ouvir a M80 e a rubrica “Macaquinhos no Sotão” da Susana Romana.

 

Há uns tempos a rubrica foi sobre o Conversationjacking. E o que a Susana considera conversationjacking? Perguntam vocês.

 

É quando estão a conversar com alguém e de repente outra pessoa se aproxima, ouve uma palavra ou frase da conversa, pega nesse pedacinho e continua a conversa a partir daí num rumo completamente diferente .

 

O que me ri a ouvir a Susana a falar deste tema, tenho colegas assim, a ponto de desistirmos do que estávamos a falar, pois a conversa já nos foi roubada e não há como a recuperar.

 

E vocês, conhecem alguém assim?

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Em destaque no SAPO Blogs
pub